segunda-feira, 22 de junho de 2015

On 11:17 by Lucchesi Toscana
Um dos maiores segredos e dos mais bem guardados da Itália esconde-se na Toscana – as famosas trufas. Nome popular dado aos corpos frutíferos subterrâneos das espécies de Tuber, um género de fungos da família Tuberaceae.
Algumas das espécies têm sabor e aroma agradáveis, sendo consumidas há mais de três mil anos e com grande valor no mercado como uma iguaria.
A trufa nasce sob a terra, a uma profundidade de 20 a 40 centímetros, próximo à raiz de carvalhos e castanheiras. Possuem aspecto de mármore negro e bege. O trufeiro (tartufo), especialista em trufas, é quem revolve a terra e retira a trufa do solo sem quebrá-la ou ferir a sua superfície. Ela só terá valor se as suas características originais forem preservadas. A colheita é feita recorrendo a porcos ou cães adestrados que as podem localizar por meio do olfato.
A 10km de Florença fica Entre Bagno a Ripoli, a pequena cidade que acolheu vários chefs de cozinha que renderam   magia da região e, boa parte deles, se dedicaram   à caça das trufas. Hoje, existe na região a Academia Florentina de Trufas, onde é possível ter acesso a um programa completo através do qual é possível aprofundar os conhecimentos e técnicas sobre a caça às trufas, além das várias atividades de campo que organiza ao longo de todo o ano.
Um pouco mais distante, a 44km da capital regional, fica San Miniato - o reino da trufa branca-  cidade junto ao vale do Arno que é procurada por gastrônomos e chefes de cozinha de todo o mundo.